obrigado1
 
 
QUEM SOMOS | COMO ANUNCIAR | FALE CONOSCO
Destaque: 22/05 |
NOTÍCIAS
 
Acabou horário de verão. Saiba como se adaptar
Cidade - 23/02/2017

O horário de verão terminou a zero hora deste domingo, 19, quando os relógios foram atrasados em 1 hora. A medida vale para onze estados nas regiões Sul, Sudeste, Centro-Oeste e no Distrito Federal (Rio Grande do Sul, Rio de Janeiro, Santa Catarina, Paraná, São Paulo, Espírito Santo, Minas Gerais, Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Tocantins e Distrito Federal). Neste ano, o horário teve a duração de 126 dias.

Economia de energia para atender Mococa por 1 dia – Segundo balanço da CPFL Mococa, que atende Mococa; Itamogi, Arcebugo e Monte Santo de Minas/MG, o horário de verão economizou 0,96% no consumo de energia elétrica na área de sua concessão. Em volume, a economia alcançou 916 MWh, suficiente para abastecer Mococa por 1 dia ou Arceburgo por 15 dias ou Monte Santo de Minas por 12 dias ou Itamogi por 28 dias.

Segundo nota da CPFL Mococa, “Com o mesmo volume de energia elétrica, seria possível abastecer 381 clientes residenciais, com consumo médio de 200 kWh, durante um ano. Há expectativa de que a demanda de energia no horário de pico apresente redução de 3,10%.”

Como adaptar o relógio biológico – Com o fim do horário de verão muitas pessoas sofrem para se adaptar, geralmente levam uma semana, mas outras podem levar até um mês, apresentando quadros de sonolência, irritabilidade e mau humor pela manhã.

A dica de especialistas é manter uma boa qualidade do sono (com ambiente escuro, silencioso e boa temperatura todos os dias), evitar consumir café, chá preto e bebidas estimulantes no final do dia, além de não fazer exercícios extenuantes três horas antes de dormir e comida pesada.

 

 

(Foto: reprodução)

 

 

Este site foi licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição 3.0 Não Adaptada.

Permitida a reprodução apenas se citadas a fonte e autoria: www.mococa24horas.com.br

 
 
 Voltar  Topo  Imprimir
 
 
institucional classificados2
CLASSIFICADOS
DINHEIRO
HUMOR
BLOG