obrigado1
 
 
QUEM SOMOS | COMO ANUNCIAR | FALE CONOSCO
Destaque: 22/10 |
NOTÍCIAS
 
Justiça apura abandono de balneário em Águas da Prata
Região - 24/02/2017

A Procuradoria da República no Estado de São Paulo está informando que o Ministério Público Federal em São João da Boa Vista abriu investigação para apurar o abandono do Balneário Teotônio Vilela (foto), em Águas da Prata, fechado desde 1998 e que foi uma as principais atrações do circuito das águas paulista. O processo foi instaurado junto à 4ª Câmara de Coordenação e Revisão da PGR (Meio Ambiente e Patrimônio Cultural).

Segundo nota da Assessoria de Comunicação do órgão, “O procurador da República Guilherme Rocha Göpfert pediu esclarecimentos à Prefeitura Municipal de Águas da Prata. Ele requereu informações detalhadas sobre os motivos da desativação do Balneário, além de explicações sobre eventuais repasses de verbas públicas para sua revitalização e sobre a existência e andamento de processo de tombamento. Ele pediu 10 dias para o envio das respostas.

A prefeitura já tentou obter repasses do Departamento de Apoio ao Desenvolvimento das Estâncias, mas diferentes reportagens afirmam que o projeto de recuperação não foi aprovado, porque o município não entregou toda documentação exigida por lei. Em ocasião anterior, a prefeitura teve que devolver R$ 1 milhão ao departamento por conta de uma obra de impermeabilização cujo resultado não foi aprovado.

“A manutenção e revitalização do Balneário é de grande importância para a região, pois trará significativo incentivo ao turismo do município, constituindo área de lazer para os moradores e turistas, sendo um patrimônio público dotado de relevante valor histórico, artístico e cultural”, afirmou Göpfert.”

 

 

 

(Foto: reprodução)

 

 

Este site foi licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição 3.0 Não Adaptada.

Permitida a reprodução apenas se citadas a fonte e autoria: www.mococa24horas.com.br

 
 
 Voltar  Topo  Imprimir
 
 
institucional classificados2
CLASSIFICADOS
DINHEIRO
HUMOR
BLOG