obrigado1
 
 
QUEM SOMOS | COMO ANUNCIAR | FALE CONOSCO
Destaque: 27/11 |
NOTÍCIAS
 
Câmara de Araraquara e Senai preparam curso de Libras
Região - 21/06/2015

Araraquara – Do correspondente

Considerando que a sociedade não está preparada para surdos, o publicitário Théo Bratfisch apresentou à Câmara Municipal de Araraquara, sua sugestão para projeto de lei municipal que venha favorecer a inclusão social, com acessibilidade e atendimento especializado para surdos nos estabelecimentos comerciais e nas indústrias instaladas no município de Araraquara.

Na quinta-feira, 18, o publicitário e o coordenador de cursos técnicos do Senai, Nilton Roberto Bigotte, foram recebidos no gabinete da vereadora e vice-presidente da Casa Legislativa, Edna Martins (foto), para a apresentação da demanda que irá resultar na criação da primeira turma do curso de Libras – Língua Brasileira de Sinais, a quem possa interessar, considerando a certificação dos estabelecimentos comerciais e industriais que venham oferecer o serviço de tradutor e intérprete para o atendimento às pessoas surdas. “Essas empresas serão identificadas com uma plaqueta contendo o ícone de acessibilidade para identificação por surdos e a adesão deve ocorrer de maneira espontânea pelos funcionários e colaboradores interessados na capacitação em língua de sinais, visando promover acessibilidade e melhor atendimento às pessoas surdas em Araraquara, já que os surdos fazem compras e são pessoas dedicadas às suas funções em equipe nas indústrias”, explica Bratfisch, que também é aluno do curso avançado de comunicação em Libras pelo Senai Araraquara.

Sobre a Lei de Libras – A Lei de Libras completou 13 anos de existência no país sem garantir acessibilidade às pessoas surdas. No entanto, dar o direito não é garantia que ocorra efetivamente, como garantir uma educação bilíngue e de qualidade.

O intérprete de Libras é tão imprescindível para o surdo quanto a rampa é importante para o cadeirante e os livros em braile são fundamentais para os cegos. A lei entrou em vigor no dia 24 de abril de 2002 e reconhece a língua brasileira de sinais como meio legal de comunicação e expressão das pessoas surdas. Edna Martins se propôs agendar para a próxima semana a primeira reunião com uma comissão formada por especialistas em suas áreas de atuação e a primeira turma do curso de Libras deve se iniciar no mês de agosto na Escola do Legislativo, na Câmara de Araraquara.

 

 

 

(Fotos: divulgação)

 

Este site foi licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição 3.0 Não Adaptada.

Permitida a reprodução apenas se citadas a fonte e autoria: www.mococa24horas.com.br

 
 
 Voltar  Topo  Imprimir
 
 
CLASSIFICADOS
booked.net
DINHEIRO
HUMOR
BLOG