obrigado1
 
 
QUEM SOMOS | COMO ANUNCIAR | FALE CONOSCO
Destaque: 23/09 |
NOTÍCIAS
 
Roubo ao carro-forte: Polícia recaptura mais 1
Polícia - 18/08/2015

O portal de notícias da Globo, g1.globo.com, São Carlos e Araraquara, está informando que a Polícia Civil recapturou no domingo, 16, em Ribeirão Preto, mais um preso solto pela quadrilha que roubou um carro-forte na sexta-feira, 7, no trajeto Mococa-Cajuru. Com esta prisão, sobe para 31 os presos recapturados; 6 presos ainda estão soltos. A quadrilha que roubou o carro-forte ainda não foi presa:

“A Polícia Civil prendeu mais um dos 37 presos que há dez dias foram libertados por assaltantes durante um ataque a um carro-forte em Cajuru (SP). Segundo o delegado Wanderley Fernandes Martins Junior, de Mococa (SP), o detento foi encontrado no domingo (16) em Ribeirão Preto (SP). Com a prisão, sobe para 31 o número de pessoas encontradas pelas autoridades desde a ocorrência.

Ao todo, 37 detentos fugiram do comboio por uma mata no dia 7 depois de serem libertados por um grupo que assaltou e explodiu um carro-forte na Rodovia Abrão Assed (SP-338). No mesmo dia, 20 foram reavidos. Ninguém da quadrilha foi preso.

Segundo Martins Junior, neste domingo, após receberem uma denúncia anônima, os policiais se deslocaram até uma casa, em Ribeirão, e recapturaram o 31º dos 37 foragidos tentando se esconder no local.

O detento, de acordo com o delegado, é natural de Santa Cruz das Palmeiras (SP) e tinha sido preso por furto.

Os outros seis presos ainda não recapturados respondem por crimes como roubos, furto e homicídio.

Entenda o caso – O assalto ao carro-forte aconteceu na manhã do dia 7, na Rodovia Abrão Assed, entre Mococa e Cajuru. PMs que faziam a escolta de 41 presos em outro veículo entraram em confronto com os criminosos e, na troca de tiros, um vigilante morreu baleado.

Depois de explodirem o carro-forte, os assaltantes libertaram os detentos, que escaparam pela mata ao lado da rodovia - 37 libertados fugiram e quatro permaneceram no local, segundo a Secretaria de Administração Penitenciária (SAP). Um áudio de WhatsApp com mensagens trocadas entre PMs revelou que os detentos foram soltos em um canavial entre Brodowski (SP) e Serrana (SP)”.

 

 

Este site foi licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição 3.0 Não Adaptada.

Permitida a reprodução apenas se citadas a fonte e autoria.

 
 
 Voltar  Topo  Imprimir
 
 
CLASSIFICADOS
booked.net
DINHEIRO
HUMOR
BLOG