obrigado1
 
 
QUEM SOMOS | COMO ANUNCIAR | FALE CONOSCO
Destaque: 18/01 |
NOTÍCIAS
 
Mococa fica em 10º lugar em ranking ambiental paulista e ganha prêmio
Cidade - 03/03/2016

Novo Horizonte é o município paulista mais comprometido com o meio ambiente e o grande vencedor do Programa “Município VerdeAzul” de 2015, que é uma iniciativa da Secretaria do Meio Ambiente do Estado de São Paulo para reconhecer as cidades ecologicamente equilibradas e que garante a prioridade na captação de recursos junto ao governo estadual. Novo Horizonte atingiu 97,13 pontos na classificação geral; em 2º lugar ficou Botucatu (96,70 pontos); e em 3º, Sertãozinho (96,68 pontos).

O resultado foi divulgado na cerimônia de entrega do prêmio nesta quarta-feira, 17, no Palácio dos Bandeirantes, Auditório “Ulisses Guimarães”, com a presença da secretária do Meio Ambiente, Patrícia Iglecias (foto no destaque, ao lado da prefeita de Mococa, Maria Edna Maziero), da coordenadora do programa “Município VerdeAzul”, Lie Shitara Schutzer, de deputados estaduais, autoridades e prefeitos de todo o Estado.

Na edição 2015 do Programa “Município VerdeAzul”, Mococa teve uma participação bastante expressiva e que enche de orgulho os seus habitantes, já que subiu 125 posições no ranking ambiental do Estado de São Paulo em relação a 2014 e recuperou o Selo “Município Verde Azul”, ficando em 10º lugar no ranking (nota: 91,74), além de ter recebido o Prêmio “Franco Montoro”, uma vez que foi a melhor colocada da Bacia Hidrográfica do Rio Pardo (10º lugar).

111 municípios foram certificados com o selo “Município VerdeAzul” 2015, uma vez que atingiram nota superior a 80 (avaliação varia entre 0 e 100 pontos), contra 118 da edição de 2014; sendo que 618 municípios participaram do programa.

Mococa recebe Prêmio "Franco Montoro" – Já os premiados com o Prêmio "Franco Montoro", que considera os municípios mais bem colocados em suas bacias hidrográficas, além de Mococa (bacia hidrográfica do Rio Pardo), foram Guararema, Caraguatatuba, Bragança Paulista, Bertioga, Franca, Sertãozinho, Botucatu, Barretos, Torrinha, Catanduva, Novo Horizonte, Ibirarema, Santa Fé do Sul, Valparaíso, Gabriel Monteiro, Flórida Paulista e Anhumas.

Mococa acelera no ranking, recupera Selo "Município VerdeAzul" e ganha Prêmio “Franco Montoro” – O desempenho de Mococa no Programa “Município VerdeAzul” 2015 foi excepcionalmente expressivo, já que avançou 125 posições em relação ao ano de 2014 (em 2014, Mococa ficou em 135º lugar, com nota 77,03; sem Selo “Município VerdeAzul”), ficando em 10º lugar no ranking ambiental paulista (nota: 91,74), recuperando o Selo “VerdeAzul” e recebendo o Prêmio “Franco Montoro”.

Em 2013, Mococa ficou em 189º lugar no ranking ambiental paulista, com 64,5 pontos (sem Selo “Município VerdeAzul”). Em 2012, a cidade ocupava a 46ª posição (nota 89,43) (com Selo “Município VerdeAzul”);  e em 2011 a 49ª posição (nota 88,33) (com Selo “Município VerdeAzul”). Em 2010, ocupava a posição 233ª (nota 67,80) (sem Selo “Município VerdeAzul”); em 2009 ocupava a 79ª posição (nota 86,05) (com Selo “Município VerdeAzul”); e em 2008, a 125ª posição (nota 56,36) (sem Selo “Município VerdeAzul”).

Região: Tambaú recebe Selo “Município VerdeAzul” - Na região, Tambaú também recebeu o Selo “Município VerdeAzul” (ficou em 104º lugar no ranking estadual; nota: 80,29), a exemplo de 2014, quando ficou em 79º lugar (nota 85,23).

Já São João da Boa Vista, ao contrário de 2014, quando foi certificada pelo Selo “Município VerdeAzul”, na edição 2015 do Programa ficou em 203º lugar (nota: 58,68) e ficou sem o Selo “Município VerdeAzul”.

São José do Rio Pardo ficou na posição 595ª (nota 2,11) e Casa Branca na 347ª posição (nota 32,20) do ranking ambiental paulista.

Como funciona a certificação – Segundo a Secretaria do Meio Ambiente, "os municípios recebem uma nota ambiental, que varia de zero a 100, e avalia o seu desempenho em dez diretivas. São avaliadas ações nas áreas: esgoto tratado, resíduos sólidos, biodiversidade, arborização urbana, educação ambiental, cidade sustentável, gestão das águas, qualidade do ar, estrutura ambiental e conselho ambiental.

As prefeituras com nota acima de 80 são reconhecidos pelo exemplo ambiental e recebem o prêmio Município VerdeAzul”.

“O Município VerdeAzul tem como principal proposta descentralizar a agenda ambiental paulista, ganhando eficiência na gestão ambiental e valorizando a base da sociedade, além de garantir à administração municipal a prioridade na captação de recursos com o Governo do Estado”, informa a SMA.

 

(Fotos: Lucas Ribeiro/SMA/divulgação e Ciete Silvério/divulgação)

 

Este site foi licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição 3.0 Não Adaptada.

Permitida a reprodução apenas se citadas a fonte e autoria: www.mococa24horas.com.br

 
 
 Voltar  Topo  Imprimir
 
 
classificados2 institucional dengue1
CLASSIFICADOS
booked.net
DINHEIRO
HUMOR
BLOG