obrigado1
 
 
QUEM SOMOS | COMO ANUNCIAR | FALE CONOSCO
Destaque: 09/12 |
NOTÍCIAS
 
Operação combate roubo de caminhões em Mococa e região
Polícia - 13/07/2016

O portal de notícias da Globo, g1.globo.com, G1 São Carlos e Araraquara, está informando que a Polícia Civil de Mococa com apoio da Polícia Civil de Casa Branca realiza operação contra roubo de caminhões em Mococa, Aguaí, Vargem Grande do Sul, Conchal, Leme e Pirassununga; prendendo 10 suspeitos:

“A Polícia Civil de Mococa com apoio da Polícia Civil de Casa Branca (SP) realiza a operação 'Sétimo Mandamento', que combate roubos de caminhões. Dez pessoas foram presas na região.

Os policiais apreenderam veículos, celulares, drogas e um equipamento usado para bloquear o sistema de rastreamento de caminhões. Um caminhão que estava na casa de um dos suspeitos, em Pirassununga, foi recuperado. Há indícios de adulteração do chassi.

Ao todo, 36 policiais cumprem 17 mandados de busca e apreensão e dez de prisão nas cidades deAguaí, Vargem Grande do Sul, Conchal, Leme e Pirassununga.

Segundo a Polícia Civil, a operação iniciou em Mococa. A investigação sobre a quadrilha começou há dois meses. Oito homens e duas mulheres especializados em roubo de caminhões em indústrias foram presos. Somente em Aguaí foram presas seis pessoas. A maioria tem passagem pela polícia.

Drogas – Suspeito por ser chefe da quadrilha, José Eronildo da Silva, de 31 anos, já cumpriu pena por furto, roubo, receptação, porte de arma, homicídio e formação de quadrilha. Na casa dele, em Aguaí, a operação encontrou uma balança de precisão, 5,6 quilos de maconha, 20 gramas de cocaína e 300 gramas de crack, que equivale a mil porções da droga [foto, no destaque].

Além disso, rádios comunicadores usados para acompanhar o trabalho da polícia, um computador, dois carros e uma moto foram apreendidos.

Investigações - A polícia trabalha para encontrar cerca de quatro caminhões que foram roubados. A suspeita é que os chassis e as placas tenham sido adulterados e os veículos vendidos em Goiás e no Mato Grosso.

Ainda de acordo a Polícia Civil, os veículos de cargas eram roubados e revendidos por altos valores. Segundo o delegado seccional Carlos Alberto de Braga Fiuza, pode haver relação do trafico de drogas com os roubos dos caminhões. “Estamos investigando e é possível que parte do lucro do roubo dos veículos seja revertida para financiar o tráfico de drogas”, informou”.

 

 

(Fotos: Polícia Civil/divulgação/reprodução)

 

Este site foi licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição 3.0 Não Adaptada.

Fonte e autoria da notícia: g1.globo.com, G1 São Carlos e Araraquara

 
 
 Voltar  Topo  Imprimir
 
 
CLASSIFICADOS
booked.net
DINHEIRO
HUMOR
BLOG