obrigado1
 
 
QUEM SOMOS | COMO ANUNCIAR | FALE CONOSCO
Destaque: 12/12 |
NOTÍCIAS
 
A hora e a vez do turismo rural paulista
Região - 15/11/2017

De Araraquara – Do Correspondente

A Câmara Temática de Turismo Rural do Conselho Estadual de Turismo da Secretaria de Turismo do Estado de São Paulo se reuniu na segunda-feira, dia 13, na Assembleia Legislativa de São Paulo, com entidades representativas e representantes do turismo paulista, Conselheiros de Turismo da Secretaria de Esporte Lazer e Juventude - SELT, instituições e órgãos públicos.

Esse processo de planejamento participativo e democrático permite a absorção de propostas, ideias e contribuições de todos, que resultou no relatório norteador de atividades com o lema: “Planeje hoje o seu trabalho de amanhã e trabalhe amanhã o seu plano de hoje”.

Na ocasião, foram definidas diretrizes para legislação e  regulamentação com ordenação e políticas públicas como eixos fundamentais, dentre elas, a construção da política pública estadual de Turismo Rural, para o desenvolvimento e consolidação da atividade turística no Estado, com atenção especial para a preservação do patrimônio arquitetônico, cultural, ambiental e social rural, como condições prioritárias para a manutenção e consolidação  do segmento turístico.

O associativismo através de articulação setorial, através da Câmara Setorial de Turismo Rural, visa estabelecer parcerias interinstitucionais e intersetoriais para se atingir objetivos em comum entre a Associação Paulista de Turismo Rural - ABRATURR SP, com a Secretaria da Agricultura e Abastecimento, CATI, Secretaria de Turismo, Secretarias Municipais de Turismo e respectivos Conselhos Municipais de Turismo, Conselho Estadual de Turismo, Sebrae, Senac Senar, Universidades e Faculdades, Instituto de Desenvolvimento do Turismo Rural, Instituto Brasil Rural, Embrapa, Ministério do Turismo, entre outros, entidades representativas locais, regionais e nacionais.

Dentre as diretrizes, créditos e linhas especiais de financiamento para o Turismo Rural, de modo abrangente aos empreendedores de turismo rural e agricultores familiares, bem como  associações com cooperativas de reciclagem, fomento a programas de permeacultura, como ações de boas práticas a serem consideradas como opção de ação. A qualificação de produtos e a capacitação de  serviços, tem por objetivo, fortalecer a marca do Turismo Rural em São Paulo,  como elementos fundamentais para a sustentação e a competitividade dos empreendimentos na dinâmica do mercado turístico.

“Feira Viva” em dezembro – Pela manhã, a presidente a Associação Paulista de Turismo Rural, Andreia Roque, se reuniu com entidades e associações representativas, quando se definiu o apoio à “Feira Viva” que passa integrar o Turismo Rural. Participaram das agendas com a presidente da Associação Paulista de Turismo Rural, Carlos Zuppo Conselheiro do Conselho Estadual de Turismo e Marcia Azeredo (Aprecesp), Patrick Assumpção e Keila Malvezzi (Feira Viva – Instituto Corupituba), Ricardo Gomes, (presidente da Câmara de Comércio e Turismo LGTB), Luiz Bramante (Bramante Consultoria), Valéria Thomaz (Senac Jundiai), Luiz Henrique Miranda (Agência Amigo/Press Club), Ludwig Paraschin (Fazenda Angolana) e Patricia de Campos (Gentileza r.p.).

A “Feira Viva” apresenta aos consumidores questões da cadeia produtiva relativas a produtos de origem com agricultura sustentável e à defesa do ambiente e gastronomia. A próxima edição acontece de 1º a 3 de dezembro no Memorial da América Latina, em São Paulo.

 

 

 

(Foto: divulgação)

 

Este site foi licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição 3.0 Não Adaptada.

Permitida a reprodução apenas se citadas a fonte e autoria: www.mococa24horas.com.br

 
 
 Voltar  Topo  Imprimir
 
 
classificados2 institucional dengue1
CLASSIFICADOS
booked.net
DINHEIRO
HUMOR
BLOG