obrigado1
 
 
QUEM SOMOS | COMO ANUNCIAR | FALE CONOSCO
Destaque: 20/08 |
NOTÍCIAS
 
São João recebe Selo Município Livre do Analfabetismo
São João da Boa Vista - 25/06/2014

O Ministério da Educação está informando que conferiu a 207 municípios do País, o Selo "Município Livre do Analfabetismo" em 2014; destes, 45 são cidades do Estado de São Paulo que têm mais de 96% de alfabetização em seus territórios (Saltinho, Americana, Santo André, Cruzeiro, Guaratinguetá, Ribeirão Preto, São José dos Campos, São Bernardo do Campo, Taubaté, Jundiaí, Bauru, Piracicaba, Sorocaba, Valinhos, São Paulo, São José do Rio Preto, Campinas, Poá, Vinhedo, Indaiatuba, Aparecida, Franca, Iracemápolis, Rio Claro, Ribeirão Pires, Paulínia, Votorantim, Osasco, Cerquilho, Nova Odessa, Araraquara, São Carlos, Santa Bárbara d’Oeste, Tietê, Lorena, Jacareí, São João da Boa Vista, Araçatuba, Tremembé, Pindamonhangaba, Itatiba, Bady Bassitt, Presidente Prudente, Caieiras e Mauá).

Na região, e dentre as 45 cidades do Estado contempladas, São João da Boa Vista recebeu o Selo "Município Livre do Analfabetismo". O selo é concedido pelo MEC aos municípios que atingirem mais de 96% de alfabetização, com base nos dados do Censo Demográfico do IBGE de 2010.

Há, ainda, o Selo "Município Alfabetizador", conferido ao município que reduzir a taxa de analfabetismo, observada no Censo Demográfico de 2000 do IBGE, em, no mínimo, 50%. Este selo foi concedido a 34 municípios, 6 do Estado de São Paulo (Pracinha, Torre de Pedra, Nova Independência, Santana da Ponte Pensa, Santa Salete e Reginópolis).

Resultado de trabalho - Em nota à imprensa, a Prefeitura de São João da Boa Vista está informando sobre a conquista do Selo "Município Livre do Analfabetismo": "Para o diretor interino do departamento de Educação, Carlos Rafael Duarte, a conquista do Selo é resultado do trabalho realizado há vários anos pelo Projeto EJA (Educação de Jovens e Adultos), que atende alunos com mais de 15 anos de idade, que ainda não concluíram o Ensino Fundamental (do 1º. ao 9º. Ano).  “Essa definição do EJA, nos esclarece o potencial de educação inclusiva e compensatória que essa modalidade de ensino possui. O grande objetivo desse Projeto é elevar a autoestima do aluno para que ele se prepare para concorrer, dignamente, no mercado de trabalho e estar inserido na sociedade”, comenta. 

"Em São João da Boa Vista, o projeto Educação de Jovens e Adultos (EJA) é coordenado pela professora Claudenice Lino Vieira Richena. As salas de EJA funcionam nas EMEBs: José Peres Castelhano, Dr. José Procópio do Amaral, Sarah Salomão, Prof. Germano Cassiolato, Profª. Maria Leonor Alvarez e Silva e Antônio dos Santos Cabral. As matrículas são feitas diretamente nessas escolas, mediante apresentação de R.G., CPF e comprovante de residência. Não há limite de idade para participar", informa a Prefeitura de São João da Boa Vista.

 

(Foto: Prefeitura de São João da Boa Vista/divulgação)

 

Este site foi licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição 3.0 Não Adaptada.

Permitida a reprodução apenas se citadas a fonte e autoria: www.mococa24horas.com.br

 
 
 Voltar  Topo  Imprimir
 
 
CLASSIFICADOS
booked.net
DINHEIRO
HUMOR
BLOG