obrigado1
 
 
QUEM SOMOS | COMO ANUNCIAR | FALE CONOSCO
Destaque: 21/08 |
NOTÍCIAS
 
Sem transporte, estudantes em Mococa caminham 3 km até escola
Cidade - 07/08/2019

O portal de notícias da TV Globo, g1.globo.com, G1 São Carlos e Araraquara, está informando nesta sexta-feira, dia 2, que, desde que as aulas voltaram, na segunda-feira, dia 29, estudantes da rede pública em Mococa e que estão sem transporte escolar, precisam caminhar 3 km até a escola. O fato também foi destaque no Jornal da EPTV 2, emissora afiliada da TV Globo na região:

“Alunos da rede pública de Mococa (SP) estão com dificuldades para estudar. Desde a o retorno das férias, na segunda-feira (29), crianças e adolescentes estão sem ônibus escolar e precisam caminhar até 50 minutos até à escola.

O contrato com a empresa de transporte foi cancelado pela Justiça após uma investigação do Ministério Público identificar irregularidades no contrato. A prefeitura diz que vai fazer um contrato emergencial e o transporte deverá voltar até 12 de agosto. (Veja abaixo o posicionamento).

Caminhada de 3 km

Por conta da falta de transporte, estudantes do conjunto habitacional Gildo Geraldo têm que andar três quilômetros até a escola, em cerca de 50 minutos. Como a jornada é difícil para algumas crianças, elas têm deixado de ir à escola.

A falta excessiva tem preocupado a dona de casa Giovana Marques que teme perder o benefício do Bolsa Família das duas filhas.

“Fica mais complicado porque conforme as faltas eles bloqueiam o Bolsa Família como prejudica a eles, prejudica muita criança”, afirmou.

Irregularidades

A suspensão do transporte escolar aconteceu depois de uma denuncia anônima levar o Ministério Público de Mococa a abrir um inquérito e constatar irregularidade na contratação emergencial da empresa responsável pelo serviço.

Em junho o Tribunal de Justiça pediu a cancelamento do contrato com a empresa e bloqueou os bens do prefeito, Felipe Naufel, e do diretor de Educação, Oswaldo Nassim. Eles foram acusados de enriquecimento ilícito pela prática de ação de improbidade administrativa.

Com a volta das aulas, desde segunda-feira os pais vão até o ponto, mas como o ônibus não passa, eles caminham até a escola com os filhos.

“A gente chega bem cansada, ai você tem que estudar e ir embora a pé, é bem difícil”, lamenta a estudante Pâmela Morija.

“Até antes das férias estava normal o transporte. O que a gente fica indignado é que não avisam. Liguei no Departamento de Educação na prefeitura e a resposta que eu tive é que está sem previsão de ônibus”, afirmou a aposentada Patrícia Damásio.

Responsabilidade

A Diretoria Regional de Ensino de São João da Boa Vista informou que a responsabilidade pelo transporte escolar dos alunos da rede pública de Mococa é do município e que os repasses feitos pelo Estado estão em dia. Informou ainda que as faltas dos estudantes serão justificadas e haverá reposição do conteúdo.

A Prefeitura de Mococa informou que vai fazer um novo contrato emergencial para o transporte escolar, que deverá voltar até 12 de agosto. Sobre a licitação para o transporte que está suspensa, a prefeitura informou que um novo processo deve ser feito, mas não há prazo”.

 

 

(Foto: Marlon Tavoni/G1 São Carlos e Araraquara/divulgação)

 

Fonte e autoria da notícia: G1 São Carlos e Araraquara

 
 
 Voltar  Topo  Imprimir
 
 
CLASSIFICADOS
booked.net
DINHEIRO
HUMOR
BLOG