obrigado1
 
 
QUEM SOMOS | COMO ANUNCIAR | FALE CONOSCO
Destaque: 13/12 |
NOTÍCIAS
 
Polícia investiga envenenamento de animais
Casa Branca - 31/07/2014

O portal de notícias da Globo, g1.globo.com, São Carlos e Araraquara, está informando que a Polícia Civil em Casa Branca está investigando a morte de 5 animais de estimação com sintomas de envenenamento:

“A Polícia Civil de Casa Branca (SP) abriu inquérito para apurar a morte de cinco animais no bairro Santa Cecília. Os três cães e dois gatos apresentaram sintomas de envenenamento, segundo os moradores. Um exame de necropsia será feito no corpo de um cachorro para auxiliar as investigações. Envenenar animais é crime previsto em lei, com multa prevista de R$ 3 mil e pena que pode variar de três meses a um ano e quatro meses de prisão.

O caso foi levado à delegacia após a Polícia Ambiental visitar o local nos últimos dias. As vítimas foram enterradas em um terreno do bairro, menos um cão, cujo corpo está guardado  na Associação Protetora de Animais de Casa Branca. Nos próximos dias ele será submetido à necropsia. O laudo do veterinário com a causa da morte é aguardado pelo delegado Mauro Bacci, responsável pelo caso. A polícia ainda não identificou suspeitos.

No último domingo (27), a faxineira Eliana Regina de Campos viu três animais mortos. "Encontramos logo pela manhã um gato em frente á minha casa, um cachorro na esquina de baixo e outro cão na esquina de cima", contou.

Já a dona de casa Catarina Costa Greg perdeu um dos dez gatos que mantinha em casa. "Ele estava com saúde. Tem muita gente que não gosta de gato e, aí, mata mesmo", reclamou.

Agonia - O vendedor Adriano Andreassi da Luz presenciou a morte do vira-lata Neguinho, que pertencia a uma vizinha, mas dormia vez ou outra em sua casa. "Ele estava vomitando, passando mal e sufocado. Começou a se debater e acabou falecendo. Eu acho que deram veneno para ele", contou.

Medo - Quem tem animais domésticos no Santa Cecília teve a rotina alterada pelo medo de novas mortes. "Tenho um cachorro que não deixo mais sair na rua com receio de ele ser envenenado também", informou Andreassi da Luz.

A secretária Osana Paula Capucini também tomou precauções para proteger a cadela de estimação. "Eu a deixo trancada aqui (em casa) e quando vou trabalhar ela vai junto com a minha filha para a casa da minha mãe. E lá também fica fechada. Ela gosta de dar um passeio à tarde, mas tenho muito medo de ela morrer", relatou”.

 

Este site foi licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição 3.0 Não Adaptada.

Permitida a reprodução apenas se citadas a fonte e autoria.

 
 
 Voltar  Topo  Imprimir
 
 
CLASSIFICADOS
booked.net
DINHEIRO
HUMOR
BLOG